Aline



"Tendo cuidado de que ninguém se prive da graça de Deus, e de que nenhuma raiz de amargura, brotando, vos perturbe, e por ela muitos se contaminem." Hebreus 12.15

Nada é mais triste e pertubador que um coração amargurado, magoado. As mágoas que guardamos na alma muitas vezes crescem de um longo cultivo. A verdade é que nenhuma delas aparecem de repente, nós as regamos, as cuidamos, até que estas se enraizem.
Uma mágoa, uma amargura enraizada é uma fonte de aflição, de pertubação. Écomo uma árvore que frutifica contendas, dissenções, e os que de seus frutos experimentam se envenanam, se contaminam.
É fácil, muito fácil, cultivar tais atitudes amargas. É simples, muito simples, regarmos tais sementes são "obras da carne",
"inimizades, porfias, emulações, iras, pelejas, dissensões",(Gl 5.19-21). Não há batalhas contra elas, estamos prontos a vivê-las. Não é difícil cultivar o rancor, o ódio, as nossas razões, os nossos direitos.
Mas ser cristão, é dar a outra face, é renunciar aos próprios direitos, abrir mão das razões, dar a capa a quem pede a túnica, é dar a misericórdia que de graça recebemos sem merecer, a quem muitas vezes também não a merece:

"E se amardes aos que vos amam, que recompensa tereis? Também os pecadores amam aos que os amam.

E se fizerdes bem aos que vos fazem bem, que recompensa tereis? Também os pecadores fazem o mesmo.

E se emprestardes àqueles de quem esperais tornar a receber, que recompensa tereis? Também os pecadores emprestam aos pecadores, para tornarem a receber outro tanto.

Amai, pois, a vossos inimigos, e fazei bem, e emprestai, sem nada esperardes, e será grande o vosso galardão, e sereis filhos do Altíssimo; porque ele é benigno até para com os ingratos e maus.

Sede, pois, misericordiosos, como também vosso Pai é misericordioso." (Lc 6.32-36)

Raízes de amargura, te ferem, te magoam, te dilaceram, e te condenam. Contaminam os que estão a tua volta. Antes que seja tarde demais, arranque-as! Não as permita! Exclua-as de sua vida, de sua maneria de pensar, agir, de seu falar!
A cura: A graça! Não se prive da graça! A graça de Deus nos liberta, nos mostra que também somos pecadores, somos falhos, transgredimos contra suas Leis, e por seu perdão não merecido, fomos redimidos. Vá depressa ao pés do Senhor! Só Ele pode limpa-lo(a) de toda raiz de amargura!

Deus nos abençoe em Cristo Jesus!
Aline Croce dos Santos.

Veja mais em: | edit post
Sua opinião 
3 Responses
  1. Paula Says:

    what a great blog! here is so many inspiration!

    have a nice time,
    Paula


  2. Anônimo Says:

    Obrigada por essas palavras de Deus pra mim.


  3. gostei de seu estudo, vc mora na europa?


Related Posts with Thumbnails