Aline

Edição do Jornal Nacional do dia 25/03/2009




Uma pesquisa ouviu mais de 17 mil mulheres, 22% delas disseram que não fizeram exame ginecológico no último ano. Mais do que em 2004, quando foi feito o primeiro levantamento.





Uma pesquisa nacional mostrou uma queda no número de brasileiras que fazem exames preventivos mesmo tendo plano de saúde. Mesmo trabalhando num hospital, a farmacêutica Fabiane Polisel ficou dois anos sem fazer os exames ginecológicos de rotina. No meio do ano passado, ela levou um susto: descobriu que estava com um tumor na mama e teve que operar com urgência. “Felizmente, era um nódulo benigno. Eu fiz a cirurgia e resolveu o problema”. A quantidade de mulheres que tem se descuidado da saúde aumentou nos últimos anos. É o que mostra uma pesquisa realizada em 12 estados do país. O levantamento foi feito com mulheres entre 18 e 49 anos que tem plano privado. Apesar de terem acesso a todo tipo de exame, elas têm dedicado cada vez menos tempo para cuidar da própria saúde. A pesquisa ouviu mais de 17 mil mulheres, 22% delas disseram que não fizeram exame ginecológico no último ano. Mais do que em 2004, quando foi feito o primeiro levantamento. É este exame que pode prevenir o câncer de cólo do útero. Outro exame importante, a mamografia, que ajuda a detectar o câncer de mama, também não esteve na agenda de 6% das mulheres, que deveriam fazer esse exame anualmente após os 40 anos. “Justamente por conta dessa, entre aspas, falta de tempo, porque hoje ela está no trabalho, depois vai buscar as crianças na escola, depois ela é dona de casa, é esposa, então ela tem essa tripla jornada. Faz com que ela acabe se negligenciando, não tendo tempo para se dedicar a sua própria saúde”, observou Roberto Galfi, coordenador da pesquisa. Tempo que Fabiane agora aprendeu a reservar para os exames. “Serviu para uma experiência muito grande de agora não me descuidar mais e de fazer o controle mais certinho”.





Cuide-se! Você é preciosa demais!








Papanicolau Saiba Mais:

O que é? Oriente-se aqui!

http://www.orientacoesmedicas.com.br/oqueepapanicolau.asp

Prevenir ainda é a melhor solução!

Veja mais em: 0 COMENTÁRIOS | | edit post
Sua opinião 
Aline




Uma mulher chega apavorada no consultório de seu ginecologista e diz:



- Doutor, o senhor terá que me ajudar num problema muito sério. Este meu bebê ainda não completou um ano e já estou grávida novamente. Não quero filhos em tão curto espaço de tempo, mas num espaço grande entre um e outro...



O médico então perguntou: Muito bem. O que a senhora quer que eu faça?



A mulher respondeu: Desejo interromper esta gravidez e conto com a sua ajuda.



O médico então pensou um pouco e depois de algum tempo em silêncio disse para a mulher:



Acho que tenho um método melhor para solucionar o problema. E é menos perigoso para a senhora.



A mulher sorriu, acreditando que o médico aceitaria seu pedido.



Ele então completou: Veja bem minha senhora, para não ter que ficar com dois bebês de uma vez, em tão curto espaço de tempo, vamos matar este que está em seus braços. Assim, a senhora poderá descansar para ter o outro, terá um período de descanso até o outro nascer. Se vamos matar, não há diferença entre um e outro. Até porque sacrificar este que a senhora tem nos braços é mais fácil, pois a senhora não correrá nenhum risco...



A mulher apavorou-se e disse: Não doutor! Que horror! Matar um criança é um crime.



-Também acho minha senhora, mas me pareceu tão convencida disso, que por um momento pensei em ajudá-la.
O médico sorriu e, depois de algumas considerações, viu que a sua lição surtira efeito. Convenceu a mãe que não há menor diferença entre matar a criança que nasceu e matar uma ainda por nascer, mas já viva no seio materno.




O CRIME É EXATAMENTE O MESMO!!!!!




Veja mais em: 0 COMENTÁRIOS | | edit post
Sua opinião 
Aline
Ilustração para newsletter em comemoração ao dia da mulher, para agência Zgraph.




Deus estava realmente muito inspirado quando nos criou!

;)

"E viu Deus que era muito bom"

Veja mais em: 0 COMENTÁRIOS | | edit post
Sua opinião 
Aline




Bem aventurada a mulher que cuida do próprio perfil interior e exterior, porque a harmonia da pessoa faz mais bela a convivência humana.

Bem aventurada a mulher que, ao lado do homem, exercita a própria insubstituível responsabilidade na família, na sociedade, na história e no universo inteiro.

Bem aventurada a mulher chamada a transmitir e a guardar a vida de maneira humilde e grande.

Bem aventurada quando nela e ao redor dela acolhe faz crescer e protege a vida.

Bem aventurada a mulher que põe a inteligência, a sensibilidade e a cultura a serviço dela, onde ela venha a ser diminuída ou deturpada.

Bem aventurada a mulher que se empenha em promover um mundo mais justo e mais humano.

Bem aventurada a mulher que, em seu caminho, encontra Cristo: escuta-O, acolhe-O, segue-O, como tantas mulheres do evangelho, e se deixa iluminar por Ele na opção de vida.

Bem aventurada a mulher que, dia após dia, com pequenos gestos, com palavras e atenções que nascem do coração, traça sendas de esperança para a humanidade.


G.Quablini
Veja mais em: , 0 COMENTÁRIOS | | edit post
Sua opinião 
Related Posts with Thumbnails